UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/07/2010 - 17h48 / Atualizada 05/07/2010 - 18h02

Bolsa cai 0,92%, e dólar fica quase estável, a R$ 1,779

Da Redação, em São Paulo

Em um dia de baixa movimentação por conta do feriado nos Estados Unidos, a Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) fechou em queda nesta segunda-feira. O Ibovespa (principal índice da Bolsa paulista) caiu 0,92%, aos 60.865,27 pontos. A perda acumulada no ano é de 11,26%.

 A cotação do dólar comercial fechou praticamente estável com ligeira alta de 0,06%, a R$ 1,779. No ano, a moeda norte-americana já acumula ganho de 2,07%.

O mercado norte-americano ficou parado nesta segunda-feira devido ao Dia da Independência, celebrado em 4 de julho.

"Sem Wall Street e indicadores importantes, o investidor se aproveitou dos poucos dados do dia para bater nas ações", disse Renato Bandeira de Mello, gerente de renda variável da Corretora Futura.

Na ausência de dados norte-americanos, o mercado se debruçou sobre índices normalmente secundários. Deles, o que mostrou a desaceleração do setor global de serviços ganhou especial atenção, por reforçar a leitura de que a recuperação da economia está acontecendo de forma irregular.

Essa análise ganhou consistência com outros relatórios regionais, que mostraram a mesma tendência em países como Inglaterra e China.

Respeitando o padrão de acompanhar de perto o noticiário da economia internacional, empresas domésticas de commodities foram as que mais pesaram no Ibovespa.

Gerdau Metalúrgica (GOAU4), a pior do índice, desabou 3,83%, a R$ 28,35. A mineradora MMX (MMXM3) caiu 2,82%, para R$ 10,35.

As ações da Vale (VALE5) recuaram 1,05%, valendo R$ 37,60, enquanto as da Petrobras (PETR4) retrocederam 0,86%, saindo a R$ 26,54.

Entre as poucas que fecharam no azul, Pão de Açúcar (PCAR5) avançou 0,8%, para R$ 63,70, com analistas ainda considerando os impactos da retomada do processo de fusão do grupo varejista com as Casas Bahia, anunciada na sexta-feira.

As principais Bolsas europeias fecharam em baixa puxadas por mineradoras em meio a novos sinais de fraqueza da economia. O movimento, porém, foi compensado em parte pelos ganhos de BP num dia de giro fraco devido à ausência das Bolsas de Nova York.

A Bolsa de Londres fechou em queda de 0,30%. Em Milão, a perda foi de 1,18%.

O pregão nas Bolsas da Ásia foi morno devido ao feriado nos EUA. No Japão, a Bolsa de Tóquio subiu 0,7%. Hong Kong fechou em queda de 0,32% e a Bolsa de  Xangai teve recuou de 0,8%.

(Com informações da Reuters)

 

Hospedagem: UOL Host