UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/08/2010 - 18h25

Ações da MMX, de Eike Batista, caem 4,7%, maior perda do dia na Bolsa

Da Redação, em São Paulo

A mineradora MMX, do grupo EBX, de Eike Batista, teve a maior queda do Ibovespa, principal indicador da Bolsa paulista, nesta terça-feira (10).  As ações da empresa (MMXM3) caíram 4,66%, cotadas a R$ 12,68.

O anúncio da China de aumento menor que o esperado das importações refletiu nos papéis da empresa, pois existe o receio de que sobre uma desaceleração da economia chinesa.

As ações de commodities foram as mais afetadas na Bovespa. “Os números da China pegaram mal”, disse Luiz Roberto Monteiro, assessor de investimentos da corretora Souza Barros, à agência de notícias Reuters, referindo-se a um relatório sobre comércio exterior, mostrando que as importações chinesas desaceleraram fortemente em julho.

(Com informações de Reuters e Valor)

Hospedagem: UOL Host