UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/09/2010 - 10h13 / Atualizada 06/09/2010 - 11h46

Bolsa opera em alta, e dólar cai; siga gráficos interativos

Da Redação, em São Paulo

A Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) opera em alta nesta segunda-feira. Por volta das 11h45, o Ibovespa (principal índice da Bolsa paulista) subia 0,2%, aos 66.814,10 pontos (siga gráfico da Bovespa com atualização constante). Veja ainda cotação das ações e fechamentos anteriores da Bolsa.

A cotação do dólar comercial tinha queda de 0,35%, a R$ 1,725 na venda  (veja gráfico com as últimas atualizações). A cotação do euro caía 0,54%, a R$ 2,222 na venda (gráfico). Confira também as cotações anteriores do dólar e de outras moedas em novo gráfico interativo.

Nesta segunda-feira, as Bolsas em Wall Street estão fechadas em função do feriado pelo Dia do Trabalho.

Bolsas asiáticas

Dados positivos do mercado de trabalho americano divulgados na última sexta-feira conferiram um certo ânimo aos mercados asiáticos neste início de semana, minimizando as preocupações dos investidores sobre recuperação global.

Na semana passada, o Departamento de Trabalho dos Estados Unidos informou que em agosto houve corte de 54 mil postos (excluindo o setor agrícola), número muito inferior à previsão do mercado, que esperava uma redução de 100 mil vagas. As contratações no segmento privado também surpreenderam positivamente.

Boletim Focus

Depois de o Banco Central ter deixado estável o juro básico da economia nacional, o mercado financeiro voltou a elevar a previsão média para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano. Agora, a mediana das expectativas aponta crescimento de 7,34% em 2010, acima da projeção anterior, de 7,09%.

O mercado não alterou, na semana passada, sua projeção média para o IPCA de 2010. A mediana das expectativas dos analistas situa a variação do índice oficial de inflação em 5,07% no acumulado do ano. O centro da meta do governo para este ano é de 4,5%.

Estados Unidos

O presidente Barack Obama vai propor um incentivo tributário de US$ 100 bilhões para as empresas esta semana com o objetivo de estimular a hesitante recuperação da economia americana, informou o jornal Washington Post.

Obama utilizará um discurso na quarta-feira na cidade de Cleveland (Ohio) para lançar os que fontes do governo classificaram de nova diretriz política para estimular a economia.

A proposta aumentaria e estenderia de forma permanente incentivos tributários para as empresas, recompensando as companhias que desenvolvem novas tecnologias no país e preservam postos de trabalhos.

Destques da semana

Os eventos domésticos centram as atenções durante a semana. O ponto alto é a quinta-feira, com a divulgação da ata do Comitê de Política Monetária (Copom), que elucida as razões que levaram o Banco Central a manter a taxa Selic em 10,75% ao ano. O dia também reserva o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de agosto.

(Com informações de Reuters e Valor)

Hospedagem: UOL Host