Câmara aprova projeto que cria 3.029 cargos na Polícia Civil do DF

Do UOL*, em São Paulo

 

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quinta-feira (21), o PL (Projeto de Lei) 4.366 que cria 3.029 cargos na estrutura da Polícia Civil do Distrito Federal.  As vagas serão preenchidas de maneira gradual, com início em janeiro de 2014.

 

De acordo com o projeto, serão criados 200 cargos de delegado de polícia, 80 de perito médico-legista, 199 de perito criminal, 2.000 de agente de polícia, 495 de escrivão de polícia e 55 de papiloscopista policial.

 

O quadro hoje é composto por 400 delegados de polícia, 80 peritos médicos-legistas, 201 peritos criminais, 3.649 agentes de polícia, 505 de escrivães e 305 papiloscopistas.

 

Reajuste

 

Os deputados também  aprovaram outra proposta que concede reajuste salarial para os policiais civis e militares da capital do país. O PL 4.921/12 aumenta os valores dos subsídios, gratificações e vantagens pecuniárias de policiais civis e militares, bombeiros e delegados de polícia do DF. O reajuste será divido em três parcelas: a primeira paga em março deste ano e as demais em 2014 e 2015.

 

De acordo com a proposta, os reajustes representarão um impacto de R$ 56.680.584,00 em 2013, de R$ 115.838.657,00 em 2014, de R$ 179.937.318,00 no exercício de 2015 e de R$ 212.702.847,00 nos exercícios subsequentes, relativos à Polícia Civil.  O aumento para os policiais militares terá impacto de R$ 110.846.818,43 este ano, R$ 227.235.977,79 em 2014, R$ 349.444.595,11 em 2015 e R$ 413.085.126,36 nos exercícios subsequentes.

 

As duas matérias, de autoria do Executivo, seguem, agora, para análise do Senado.

 

(*Com informações da Agência Brasil)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos