UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/11/2009 - 11h55

Chega ao mercado minicartão de crédito para os pequenos gastos

Anne Dias

Imagine ter um cartão de crédito com limite bem baixo só para pagar os gastos do dia-a-dia, como a passagem de ônibus e o sanduíche do almoço. E que este cartão seja bem pequeno, para você carregar junto com a carteira. E que ele passe por uma máquina automaticamente, sem a necessidade de você ter de assinar um comprovante.

A MasterCard, a administradora de cartões Credicard e a Redecard (que credencia lojas) lançam nesta segunda-feira um cartão de crédito minúsculo que pode ser usado em pagamentos de até R$ 50 por dia e limitado a R$ 200 por mês.

Além do tamanho, o cartão tem outra característica: basta o usuário aproximá-lo de um aparelho que faz o pagamento instantaneamente.

Não é preciso passar por um leitor de tarja magnética nem assinar um recibo. Um chip se comunica com o terminal via ondas de rádio.

“Se o consumidor perder o cartão, pode pedir o cancelamento”, diz Luiz Almeida responsável pelo desenvolvimento de produtos da Credicard.

O cartãozinho já é usado em 32 países. Ele não tem anuidade e é um adicional do cartão principal do consumidor. A fatura desse minicartão vem separada do cartão principal do cliente. E tem um nome pomposo: “PayPass”.

Numa primeira leva, 6.000 clientes o receberão, todos no Rio de Janeiro.

A cidade foi escolhida por receber gente do mundo todo e muitos turistas já estarem acostumados com o cartão. “Mas devemos atingir 600 mil pessoas”, afirma Almeida.

No Brasil, por enquanto, apenas alguns estabelecimentos cariocas irão aceitá-lo, como o bondinho do Pão de Açúcar, trens, cinemas UCI, restaurantes McDonald’s e os estacionamentos Estapar/Riopark.

“Nosso objetivo é atingir não só as classes C/D, mas todo mundo que busca a praticidade”, diz Almeida.

Hospedagem: UOL Host