Unidade de Valor Fiscal do Município de São Paulo - UFM
Usada para atualização de contratos (fechados para prestação de serviços com empresas privadas) e impostos municipais (como o IPTU, por exemplo). Pode ser atualizada tanto por índices regionais quanto nacionais. A UFM foi extinta em 1995, passando a figurar em seu lugar, a partir de 1º de janeiro de 1996, a UFIR ou qualquer outra unidade monetária de conta fiscal.