Bolsas

Câmbio

Saída de dólares do país atinge pior nível desde janeiro de 1999

Da Redação

Em São Paulo

(Texto atualizado às 16h39)

A saída de dólares do país intensificou-se em outubro e atingiu o pior resultado desde janeiro de 1999, quando houve a maxidesvalorização do real. O fluxo cambial (diferença entre a entrada e a saída de divisas do país) ficou negativo em US$ 4,639 bilhões no mês passado, segundo o Banco Central. Em janeiro de 1999, o déficit havia sido de US$ 8,59 bilhões.

O resultado de outubro provém de uma saída de capitais de US$ 6,249 bilhões e de um saldo comercial positivo de US$ 1,61 bilhões, segundo os dados oficiais.

O saldo negativo de outubro contrasta com o resultado positivo de US$ 2,803 bilhões em setembro, quando Brasil ainda não havia sentido os impactos da crise financeira internacional.

Entre janeiro e outubro deste ano, o fluxo cambial acumula um saldo positivo de US$ 12,549 bilhões, muito inferior aos US$ 76,776 bilhões registrados no mesmo período de 2007.

Nos últimos dois meses, o real se desvalorizou em torno de 30% em relação ao dólar, enquanto o país sofre uma fuga de divisas especialmente na Bolsa de Valores, com grandes quedas nos preços de ações líderes, muitas delas com perdas em contratos cambiais a futuro.

Apesar da saída de divisas, as reservas internacionais do Brasil, se mantêm firmes, em US$ 203,411 bilhões, segundo dados do Banco Central.

As exportações somaram US$ 14,458 bilhões no mês passado, dos quais US$ 3,695 bilhões foram de financiamento direto aos exportadores por meio de adiantamento de contrato de câmbio (ACC). As importações geraram contratação da ordem de US$ 12,848 bilhões, de modo que houve superávit nesse segmento US$ 1,61 bilhão.

Já nas operações do câmbio financeiro, a entrada de divisas somou US$ 29,046 bilhões. Mas a saída de recursos do país em pagamento a compromissos externos, como lucros e dividendos das multinacionais ou resgates de aplicações, teve volume superior aos ingressos, com US$ 35,295 bilhões. O saldo dessa modalidade foi negativo em US$ 6,249 bilhões, impactando o fluxo mensal.

(Com informações de Efe, Reuters e Valor Online)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos