Bolsas

Câmbio

Definição sobre exploração do pré-sal sai na segunda-feira, diz Lula

Maurício Savarese

Do UOL Notícias

Em São Bernardo do Campo (SP)

(Texto atualizado às 15h37)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira que a definição sobre as novas regras de exploração de petróleo na camada de pré-sal (poços profundos abaixo do oceano) será divulgada na segunda-feira.

"Na segunda-feira, vou lançar o novo marco regulatório do pré-sal", afirmou o presidente em discurso no lançamento da pedra fundamental da Universidade Federal do ABC, em São Bernardo do Campo (região
metropolitana de São Paulo).


Durante o evento, Lula chegou a afirmar que 71% do dinheiro obtido com a exploração do petróleo na camada pré-sal seria destinado a um fundo voltado para educação, ciência e tecnologia e combate à pobreza, mas depois ele corrigiu a informação. Esse percentual ainda será definido conforme as novas regras.

"Não é que o governo vai ficar com 71% do petróleo pré-sal. O que quis dizer, na verdade, é que, de todo o bloco do pré-sal, 29% já foram leiloados (licitados) e que, portanto, o que vai entrar na nova regulamentação são apenas 71% que não tinham sido leiloados ainda", afirmou o presidente, horas depois, em outro evento, na Câmara dos Vereadores de São Bernardo do Campo, com lideranças locais.

"Quando a gente manda uma carta para a imprensa e a gente diz que uma coisa é publicada de forma não verdadeira, muitas vezes a imprensa coloca embaixo 'erramos' e expõe", disse Lula.

"Eu estava vendo aqui na internet do (senador) Aloizio Mercadante (PT-SP), esse bichinho que escraviza o ser humano, de que houve uma má compreensão ou talvez uma má colocação minha sobre a questão do pré-sal. Eu queria dizer o seguinte: se eu falei isso mesmo, não erramos, errei, e vou fazer a correção aqui."

Lula pediu a Mercadante, líder do PT no Senado, com quem teve tensas conversas nas últimas semanas, para publicar a correção no perfil do parlamentar no microblog Twitter.

"Vocês que vão rapidinho ali na internet, naquele tal de Twitter, e colocam as mensagens, por favor, coloquem essa mensagem (de correção) rapidinho. O Aloizio já pode colocar já", pediu Lula. Até as 15h40, o microblog do senador ainda não apresentava a correção.

Na quinta-feira passada, o congressista usou a ferramenta para anunciar sua renúncia à liderança da bancada petista no Senado por conta do apoio do governo à operação para manter José Sarney (PMDB-AP) na presidência da Casa. No dia seguinte, após conversa com Lula, Mercadante desistiu de desistir do cargo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos