Bolsas

Câmbio

Emprego na indústria brasileira cai 6,7% em um ano, diz IBGE

Da Redação
Em São Paulo

O emprego na indústria brasileira caiu 6,7% em agosto na comparação com igual mês de 2008, segundo informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgadas nesta quinta-feira.

Em relação a julho de 2009, o emprego teve leve alta de 0,03%, marcando o segundo mês consecutivo de avanços.


Além da queda do emprego na indústria, a produção também recuou em agosto. Segundo dados divulgados pelo IBGE no último dia 2 de outubro, a produção caiu 7,2% comparada a igual período de 2008. Em relação a julho de 2009, houve aumento de 1,2%.

O IBGE informou ainda que o número de horas pagas na indústria declinou 7% em agosto comparado a igual período de 2008, mas subiu 0,3% sobre julho deste ano.

O valor real da folha de pagamento caiu 6,2% na comparação anual e 0,4% na comparação mensal.

Em relação a 2008, o contingente de trabalhadores caiu nas quatorze áreas investigadas, com destaque para São Paulo (-4,7%), Minas Gerais (-11,4%), região Norte e Centro-Oeste (-10,7%) e Rio Grande do Sul (-9,1%).

Entre os 18 setores pesquisados, o emprego industrial recuou em 16, com destaque para meios de transporte (-13,1%), máquinas e equipamentos (-12,4%), produtos de metal (-11,3%) e calçados e artigos de couro (-10,0%). Na contramão, as altas ficaram com papel e gráfica (7,1%) e fumo (2,4%).

Pesquisa diferente
Ontem, a CNI (Confederação Nacional da Indústria) divulgou um outro levantamento mostrando queda de 4,5% no emprego industrial em agosto na comparação com igual mês de 2008. Em relação a julho deste ano, houve alta de 0,7%.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos