Bolsas

Câmbio

Entrada de dólares no país em outubro é a 2ª maior desde 1982

Da Agência Brasil

O saldo da entrada e saída de dólares do país (fluxo cambial) ficou positivo em US$ 14,598 bilhões em outubro deste ano. Ou seja, houve entrada líquida de dólares no país. Esse valor é o maior do ano e o segundo maior da série histórica do Banco Central (BC), iniciada em 1982.

No mesmo período de 2008, o cenário era outro. Devido a efeitos da crise financeira internacional naquele mês, houve saída líquida de dólares no valor de US$ 4,639 bilhões.

Segundo os dados do BC, o fluxo financeiro – investimentos em títulos, Bolsa de Valores, remessas de lucros e dividendos ao exterior e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações – ficou positivo em US$ 13,106 bilhões. Em outubro de 2008, ocorreu o contrário: houve saída líquida de dólares pelas operações financeiras, no valor de US$ 6,249 bilhões.

A forte entrada de dólares no Brasil levou o governo a taxar o capital externo que entra no Brasil para aplicações em ações e papéis de renda fixa. Agora, é feita a cobrança de 2% de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) para esse tipo de aplicação feita por estrangeiros.

No caso do fluxo comercial (diferença entre exportações e importações, financiamento ao comércio exterior por meio dos Adiantamentos sobre Contratos de Câmbio – ACC  – e dos pagamentos antecipados), o saldo positivo foi de US$ 1,492 bilhão no mês passado, contra US$ 1,610 bilhão registrado em igual período de 2008.

De janeiro até outubro deste ano, o fluxo cambial é positivo em US$ 22,856 bilhões, contra US$ 12,549 bilhões positivos registrados no mesmo período de 2008. No acumulado do ano, o fluxo financeiro está positivo em US$ 13,255 bilhões, ante US$ 32,332 bilhões negativos registrados de janeiro até outubro do ano passado. Já o fluxo comercial ficou positivo em US$ 9,600 bilhões, contra US$ 44,880 bilhões registrados no acumulado de janeiro a outubro de 2008.

O BC também informou que foram liquidadas compras de dólares no mercado à vista neste mês, em outubro, no valor de US$ 6,738 bilhões, o maior valor registrado em 2009. Neste ano, o BC voltou a comprar dólares no mercado à vista no dia 8 de maio. Em setembro, essas compras somaram US$ 3,481 bilhões.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos