UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

02/07/2009 - 15h57

Líder: confira os problemas de só se preocupar em obedecer a diretoria

SÃO PAULO - No mundo corporativo, há diversos tipos de gestores. Um deles é aquele que delega o trabalho para a sua equipe sem se importar com as condições que ela dispõe para realizar o serviço no prazo estipulado, repassando apenas as ordens da diretoria. Por ter atitudes como esta, ele pode ganhar a inimizade da equipe.

"Um gestor de área consegue resultados através de sua equipe", destaca o consultor do IDORT-SP, Antônio de Jesus Limão. Por isso, ele não deve só se preocupar em obedecer a diretoria!

"Ele conseguiu seu cargo por ter competência técnica, mas, se não tem competência humana para lidar com os seus liderados, logo um dos seus comportamentos mais comuns pode ser delegar tarefas sem respeitar as opiniões de sua equipe", completa.

Consequências

Uma das consequências para esse tipo de líder é que ele pode acabar malvisto pela equipe. E de que adianta ter os diretores da empresa de seu lado, se aquelas pessoas que trabalham diretamente com você não o admiram ou estão contra você?

O consultor ressalta que esse tipo de líder tende a perder o respeito da equipe. "Dessa forma, pessoas competentes não vão querer trabalhar com ele".

Na opinião de A.J. Limão, para perder esse estigma, o gestor precisa aprender técnicas para se comunicar melhor com a equipe. Além disso, deve investir em coaching. Afinal, não são somente aspectos técnicos que fazem a diferença em uma liderança, mas os comportamentais, também! E o coaching ajuda no autoconhecimento.

Carreira

O consultor ainda alerta que esse tipo de líder tem uma carreira apagada na empresa. Isso porque não existe um ânimo por parte dos liderados em atuar ao lado dele. Assim, ele acaba sendo ofuscado por outros líderes. "A tendência é de que esse profissional perca espaço", disse A.J. Limão.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host