UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

13/10/2009 - 10h53

Oportunidade: no País, há um corretor de seguros para cada 5,4 mil habitantes

SÃO PAULO - No Brasil, há 5,4 mil habitantes para cada corretor de seguros. No estado de São Paulo, essa proporção é de 2,6 mil para um. Conclui-se que há um grande nicho para a atuação dos corretores de seguros.

Os dados constam de um estudo do Sincor-SP (Sindicato dos Corretores de Seguros do Estado de São Paulo), que apontou também que SP tem mais de 15 mil corretores de seguros pessoas físicas e 10 mil corretores pessoas jurídicas. Se levarmos em conta que há, em média, 1,5 funcionário por corretora pessoa jurídica, verifica-se que existem entre 30 mil e 35 mil pessoas trabalhando com corretagem de seguros.

Na segunda-feira (12), foi comemorado o Dia do Corretor de Seguros, profissão que, na opinião do presidente do Sincor-SP, Leoncio de Arruda, está em amplo crescimento. "O mercado de seguros, de 1980 para cá, triplicou de tamanho", comemora.

Sobre a profissão

Segundo Arruda, os corretores de seguros se profissionalizaram, nos últimos anos. Além disso, tornaram-se mais conhecidos pela sociedade.

Contribuiu para esse fenômeno o avanço da legislação, com mudanças no Código Civil, tributário e também no Código de Defesa do Consumidor. "As mudanças na legislação contemplaram os corretores de seguros, que passaram a ser vistos como verdadeiros defensores do segurado", afirma.

Além disso, na opinião de Arruda, com as regras mais rígidas, maus profissionais perderam espaço no mercado e os sindicatos têm, atualmente, mais facilidade para punir. O resultado foi a maior valorização da categoria. "Hoje, é difícil encontrar um corretor sem conhecimento técnico e facilidade de comunicação, essencial no relacionamento com os clientes".

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host