UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/02/2010 - 10h58

Psicanalista aponta como desenvolver a inteligência emocional

SÃO PAULO - A inteligência emocional, que é a capacidade de reconhecer os próprios sentimentos e os dos outros e saber lidar com eles, é considerada um dos quesitos para a conquista do sucesso profissional. 

De acordo com o psicanalista e consultor de empresas, Osório Roberto dos Santos, para desenvolvê-la, é preciso ter autoconhecimento, ou entender as próprias emoções e sentimentos. “Ninguém consegue entender a emoção sem se autoconhecer”, disse Santos.

 

Terapia, cursos de filosofia, pintura e música ajudam as pessoas a desenvolverem a inteligência emocional. “Toda atividade lúdica e artística ajuda no desenvolvimento da subjetividade”, concluiu o psicanalista.

 

Liderança

Ainda segundo o consultor, a inteligência emocional é como um filtro que faz com que a realidade seja vista mais próxima do que ela é.

Por isso, ela é importante para um líder. “A liderança fica muito mais equilibrada, muito mais justa, menos influenciada por emoções que vêm de fora do ambiente de trabalho”, afirmou Santos.

Por meio do domínio do raciocínio e das emoções, o profissional consegue desenvolver o intelecto, o equilíbrio emocional e as tomadas de decisões se tornam mais seguras no mercado de trabalho.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host