UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/03/2010 - 15h55

Busca por executivos cresceu 57% em 2009, revela pesquisa

SÃO PAULO – A procura por executivos cresceu 57% em 2009, ano marcado pelos efeitos da crise econômica mundial, revelou um estudo divulgado nesta quarta-feira (17) pela consultoria em gestão de capital humano DBM.  

O resultado do ano passado, segundo o presidente da DBM Brasil, Cláudio Garcia, foi impulsionado pela perspectiva favorável das empresas para 2010, além do impacto esperado para a economia por conta de eventos mundiais como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, que acontecerão em 2014 e 2016, respectivamente.

Setores

O setor que mais cresceu em demanda de executivos no ano passado foi o de serviços de informática, com alta de 92%. Além disso, houve alta de 87% no setor de produtos de consumo, mesma proporção do setor de serviços em geral.

As companhias de alimentos e bebidas demandaram 68% mais executivos, resultado que deve se manter em 2010. “Este cenário mostra que a ampliação do contingente que forma a classe C brasileira deu fôlego extra para a demanda por executivos”.

O varejo ofereceu 65% mais vagas para chefia intermediária, gerência, diretoria, presidência e conselho de administração em 2009, enquanto no setor de eletroeletrônicos foi registrado um aumento de 63%.

Segmentos e áreas

Entre os segmentos econômicos, o destaque ficou com educação e meio ambiente, que figuraram pela primeira vez entre os 20 que mais buscaram profissionais.

“Na área de educação, o resultado é efeito da profissionalização do setor. No que se refere à área de meio ambiente, com a sustentabilidade como palavra de ordem, mais e mais as empresas buscam profissionais qualificados para definir seus planos na área”, analisou Garcia.

A maior parcela das vagas disponibilizadas a executivos no ano passado dizia respeito aos profissionais das áreas comercial, de vendas e marketing, com ampliação de 68%, o que mostra um foco maior das empresas no canal de vendas.

 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host