UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/03/2010 - 11h20

Saiba como estudar as obras literárias para o vestibular de 2011

SÃO PAULO – As obras literárias devem ter atenção especial no estudo dos vestibulandos. Em janeiro, a Fuvest (Fundação Universitária para o Vestibular) informou que a USP (Universidade de São Paulo) e a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) repetirão, neste ano, os mesmos livros do vestibular do ano passado.

Ao todo, são nove obras que os estudantes devem ler para responder as questões na prova de Português. Segundo o supervisor de literatura do Sistema Anglo de Ensino, Dácio Antônio de Castro, a Fuvest deverá manter essa lista até 2012.

Ele acrescenta ainda que, normalmente, outras universidades fazem questões baseadas nessa relação de livros. Mas qual será a maneira correta de estudar as obras literárias? Para Castro, a primeira recomendação aos vestibulandos é ler todas as obras literárias de maneira integral. Ele aconselha que a leitura não seja superficial.

“Uma dica é avaliar as questões dos vestibulares anteriores para o aluno verificar o nível de dificuldade das perguntas. O resumo não é proibido, mas deve ser usado como material de apoio e precisa ser um resumo crítico”, explica Castro.

Seguir cronologia

É indicado ler um livro por mês e a escolha deve seguir a ordem cronológica da literatura. Dessa forma, é possível ter maior percepção das obras e entender por quais motivos foram escolhidas.

A leitura não deve ser analisada somente pelo enredo, é importante saber também em qual época foi escrita. “O aluno deve se atentar também em qual fase o autor está. É necessário fazer várias conexões entre a fase do autor e a época em que a obra literária foi escrita. Não pode ser uma leitura ingênua. Deve-se procurar a modernidade da obra para a época”, afirma Castro.

Após a leitura

Após a leitura, o professor sugere que o estudante pesquise na internet os vestibulares dos anos anteriores e faça os exercícios sobre o livro. “Isso também ajuda para aumentar o grau de confiança do aluno”, diz Castro.

É indicado também que o vestibulando se reúna com um grupo de colegas para discutir sobre a leitura feita. Outra dica é assistir aos filmes que foram baseados nas obras literárias. “Assistir, por exemplo, O Cortiço e Vidas Secas, pode ajudar o aluno a recuperar alguma cena importante, atitudes de personagens e entender sobre a época”, avalia.

O professor afirma ainda que a leitura ajudará a melhorar e ampliar o vocabulário, facilitará no momento da redação e nas questões analíticas do vestibular. “A leitura não pode ser baseada na lei do mínimo esforço. Ao contrário, tem de ser o máximo de esforço possível. Se fizer tudo certo, com certeza terá um bom retorno”, finaliza Castro.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host