UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/07/2010 - 10h50

Saiba como agir na hora de convidar colegas de trabalho para eventos pessoais

SÃO PAULO - Aniversários, casamentos, chá de bebê. Todas essas ocasiões são significativas na vida das pessoas e, geralmente, motivos de comemoração. Entretanto, nestas horas, surge a dúvida relacionada ao ambiente de trabalho: chamar ou não todos do departamento?

De acordo com a consultora e especialista em etiqueta profissional, Rosana Fa, esta é uma decisão que exige bom senso, tanto por parte de quem vai fazer o convite, como por parte de quem irá recebê-lo.

A consultora de etiqueta corporativa, Renata Melo, concorda e exemplifica: “no caso de um casamento, por exemplo, ao contrário do que muitos podem imaginar, hoje, já não é mais necessário que a pessoa coloque um convite no quadro de avisos da empresa, sendo que o ideal é dar o convite em mãos para aquelas pessoas mais íntimas e fazer um comunicado verbal para o restante da equipe”, diz.

Por outro lado, alerta ela, após o comunicado do casamento de alguém, é elegante por parte dos colegas comprar um presente em conjunto, sendo que a quantia de dinheiro que cada um irá dispor deve ser livre. Além disso, diz, aqueles que foram de fato convidados para o casamento devem participar da iniciativa com uma colaboração simbólica (apenas para constar no cartão) e comprar o seu próprio presente para os noivos.

Outras situações

Abaixo, veja como convidar e como agir ao receber o convite em outras situações:

  • Aniversários: é elegante convidar todos do departamento, especialmente se a empresa for pequena.
Convidados: devem ter sensibilidade para entender quando o convite é por educação. Neste caso, o ideal é ligar para cumprimentar a pessoa no dia do aniversário. Não é simpático dizer que não poderá ir, assim que receber o convite. Quanto ao presente, ao receber um convite, é sempre delicado retribuir com uma lembrancinha.

  • Aniversário de filhos pequenos: o convite só deve ser feito para as pessoas próximas e para os membros da equipe que possuem filhos com idade próxima à da criança que fará aniversário.
Convidados: caso não tenha intimidade com a pessoa ou não possa comparecer, deve entregar o presente, assim que possível.

  • Chá de bebê: a pessoa só deve convidar as colegas mais íntimas.
Equipe: caso não tenha sido convidado, não precisa se preocupar com o presente. Contudo, assim que a criança nascer, é elegante que a equipe envie um presente e o chefe faça uma ligação para perguntar sobre a mãe e o bebê.

Outras dicas

Além das situações acima, também é importante saber como agir em situações desconfortáveis, como doença ou falecimento de um ente querido de um membro da equipe.

No primeiro caso, quem deve agir é o chefe, que deve entrar em contato com a família para prestar solidariedade em nome da equipe. Já no segundo, vale enviar um telegrama ou e-mail de condolências.
Hospedagem: UOL Host