! Lenovo demite 2.500 por crise - 08/01/2009 - AFP - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

08/01/2009 - 01h33

Lenovo demite 2.500 por crise

[selo]
HONG KONG, 8 Jan 2009 (AFP) - O fabricante chinês de computadores Lenovo anunciou nesta quinta-feira que demitirá 2.500 funcionários, o que representa 11% de seu pessoal, após sofrer prejuízos devido à crise econômica mundial.

O gigante chinês destaca em um comunicado enviado à Bolsa de Hong Kong que a medida permitirá uma economia de 300 milhões de dólares no exercício financeiro que terminará em 21 de março de 2010.

"Quando for completamente aplicado, o plano permitirá uma redução de 2.500 funcionários, em todo o mundo, o que representa 11% do nosso pessoal".

Segundo estimativas do próprio grupo, Lenovo teve prejuízo no último trimestre de 2008.

Em novembro passado, o grupo anunciou uma queda do lucro líquido no terceiro trimestre de 78%, que ficou em 23,4 milhões de dólares, devido principalmente à queda nas vendas de microcomputadores.

Segundo Lenovo, a queda nas vendas foi generalizada, mas ocorreu especialmente na China.

"A redução do crescimento da economia chinesa (...) afetou um mercado tradicionalmente muito importante para o grupo".

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host