! John Thain, ex-presidente do Merrill Lynch, é despedido do Bank of America - 22/01/2009 - AFP - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

22/01/2009 - 17h24

John Thain, ex-presidente do Merrill Lynch, é despedido do Bank of America

[selo]
WASHINGTON, 22 Jan 2009 (AFP) - O ex-patrão do Merrill Lynch, John Thain, foi despedido nesta quinta-feira pelo Bank of America, que adquiriu o banco de negócios no dia 1 de janeiro, informou um porta-voz do Bank of America.

"Ken Lewis (presidente do Bank of America) viajou hoje (quinta-feira) a Nova York para conversar com John Thain, e foi concluído pelas duas partes que a situação não era conveniente, e que John Thain sairia" do banco, declarou o porta-voz Robert Stickler.

A informação havia sido revelada pelo canal de notícias financeiras CNBC e pelo Wall Street Journal.

A diretoria do Bank of America foi duramente criticada por não ter informado seus acionistas do aumento das perdas do Merrill Lynch, que acabaram atingindo 15,3 bilhões de dólares no quarto trimestre.

Duas primeiras queixas coletivas foram emitidas quarta e quinta-feira por acionistas que consideram que o título do Bank of America caiu excessivamente após o anúncio das perdas de sua nova filial.

Segundo o CNBC, desde a fusão, muitos motivos de tensão surgiram entre as duas entidades. O canal de TV revelou por exemplo que Thain gastou 1,2 milhão de dólares para redecorar seu escritório.

O Financial Times também revelou nesta quinta-feira que o Merrill Lynch adiantou o pagamento de bônus a seus funcionários, antes da fusão.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host