! Obama se diz 'muito confiante' na retomada do crédito com o novo plano - 23/03/2009 - AFP - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

23/03/2009 - 15h30

Obama se diz 'muito confiante' na retomada do crédito com o novo plano

[selo]
WASHINGTON, EUA, 23 Mar 2009 (AFP) - O presidente Barack Obama se disse "muito confiante", nesta segunda-feira, de que o novo plano de sua administração para livrar os bancos de seus ativos podres contribuirá para o desbloqueio dos mercados de crédito, que bloqueia a recuperação econômica.

"Consideramos que este é um elemento a mais, que será absolutamente crítico para conseguir que o crédito flua novamente", afirmou Obama, após se reunir com seus conselheiros econômicos na Casa Branca.

"Isso não acontecerá da noite para o dia, ainda há muita fragilidade nos sistemas financeiros, mas creio que estamos avançando na direção correta", acrescentou.

Obama confirmou que participará da cúpula do G20 em Londres, para ter certeza de que as medidas tomadas pelo governo americano para combater a crise "tenham, efetivamente, seu correspondente nos outros países". O secretário do Tesouro, Tim Geithner, deve acompanhá-lo à Inglaterra.

O plano do Tesouro americano apresentado nesta segunda-feira tem como objetivo livrar os bancos de seus ativos podres, associando investidores privados e fundos públicos. A iniciativa consiste em comprar empréstimos e títulos invendíveis que atolaram os bancos depois da explosão da bolha imobiliária.

Estes ativos deterioraram a capacidade dos bancos de conceder crédito, prejudicando o consumo e o investimento, motivo pelo qual o saneamento de seus balanços é considerado essencial para estimular a atividade econômica.

O plano tentará fazer com que "as famílias obtenham empréstimos simples de consumo, empréstimos para a compra de veículos, empréstimos para estudantes, para garantir que as pequenas empresas financiem sua atividade, e para que relancemos a economia", afirmou Obama.

"Começaremos a ver uma luz de esperança no mercado imobiliário", concluiu o presidente.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host