! Banco Mundial alerta contra febre do protecionismo - 08/06/2009 - AFP - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

08/06/2009 - 14h16

Banco Mundial alerta contra febre do protecionismo

[selo]
MONTREAL, Canadá, 8 Jun 2009 (AFP) - O presidente do Banco Mundial (Bird), Robert Zoellick, fez um apelo nesta segunda-feira em Montréal para que o mundo se mantenha atento contra a "febre" do protecionismo, que pode comprometer os sinais de recuperação econômica.

"Neste momento, estamos diante de uma febre menor; não é uma gripe total", declarou Zoellick em um comunicado do Bird, publicado antes do discurso que pronunciará no Fórum Econômico Mundial em Montréal.

"Mas devemos estar atentos, porque à medida que aumentam os números do desemprego, os políticos estão sob pressão e alguns podem recorrer ao protecionismo", destacou.

Zoellick elogiou as medidas de recuperação adotadas pelo Canadá para atenuar o impacto da crise financeira sobre a economia real, e estimou que o país tem "um papel de líder no G8 e no G20".

"Outros poderiam se inspirar nas ações tomadas pelo Canadá, principalmente a adoção de um marco financeiro e regulatório sólido que permitirá o controle dos efeitos da crise, sobretudo no setor bancário", disse.

"O compromisso do Canadá com o livre comércio e a luta contra o protecionismo envia uma mensagem de força a seus vizinhos e aliados em todo o mundo", acrescentou.

Zoellick, que fica no Canadá até terça-feira, se reunirá em Ottawa com o primeiro-ministro Stephen Harper, com o ministro das Finanças Jim Flaherty e com Michael Ignatieff, líder do partido liberal, principal partido canadense de oposição.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host