UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/09/2009 - 16h12

Petróleo cai abaixo dos US$ 77 em NY, mas tem leve alta em Londres

NOVA YORK, 14 Set 2010 (AFP) -Os preços do petróleo caíram nesta terça-feira em Nova York, depois de duas sessões de alta, com o barril de referência fechando abaixo dos 77 dólares, apesar da publicação de indicadores nos Estados Unidos que superaram as previsões, mas subiram levemente em Londres.

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de West Texas Intermediate (designação do "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em outubro fechou em 76,80 dólares, em queda de 39 centavos em relação a segunda-feira.

O Brent do Mar do Norte com igual vencimento subiu, por outro lado, 13 centavos, a 79,16 dólares o barril.

A sessão foi marcada por algumas hesitações e a publicação de indicadores que superaram as previsões nos Estados Unidos limitou as perdas do mercado desde a abertura.

As cifras de vendas varejistas saíram melhores que as estimativas.

Além disso, os temores sobre eventuais interrupções de entregas depois do fechamento de vários oleodutos (da empresa) Embridge" acalmaram à medida que a sessão avançava, afirmou Jason Schenker, da Prestige Economics.

"Parece que a Enbridge está trabalhando para resolver o problema", e os rumores de uma reabertura multiplicavam-se, apesar de o fornecedor de energia canadense não ter fixado até o momento uma data para isso, lembrou o analista.

O mercado questionava-se sobre o impacto do fechamento do oleoduto 6A em Illinois (norte) sobre as abundantes reservas nos Estados Unidos, próximas à sua capacidade máxima no principal terminal petroleiro do país, em Cushing, Oklahoma (centro-sul). O oleoduto em questão tem uma capacidade de 670.000 barris diários e transporta o petróleo canadense para o meio-oeste americana.

"As expectativas do mercado de que os estoques sejam reduzidos em 2,3 milhões de barris parecem excessivas, já que o oleoduto esteve fechado apenas na quinta-feira e que em consequência representa apenas dois dias no relatório semanal", afirmam analistas do Commerzbank.

As estimativas de analistas questionados pela agência Dow Jones Newswires citam uma queda de 2,6 milhões de barris nas reservas de petróleo.

A Enbridge trabalhava também no oleoduto 6B, em Michigan (também no norte dos EUA), no qual tinha detectado uma perda em junho.
Hospedagem: UOL Host