! Brown: Criação da taxa Tobin 'vale a pena ser examinada' - 21/09/2009 - AFP - Economia
UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

21/09/2009 - 20h43

Brown: Criação da taxa Tobin 'vale a pena ser examinada'

LONDRES, Reino Unido, 21 Set 2009 (AFP) - O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, disse que a criação de uma taxa mundial destinada a reduzir os comportamentos de risco dos bancos "vale a pena ser examinada", dias antes da cúpula do G20 em Pittsburgh (Estados Unidos).

Mas o chefe do governo britânico indicou que é necessária uma cooperação mais estreita entre os Estados para limitar ações de risco excessivo antes de projetar essa taxa.

O primeiro-ministro, que se reuniu nesta segunda-feira com jornalistas antes de viajar para os Estados Unidos para a Assembleia Geral da ONU e para a cúpula do G20, considerou que o nível de cooperação ainda é insuficiente.

A França propôs a criação de um imposto sobre todas as transações financeiras -conhecido como taxa Tobin-, cujas receitas de bilhões de dólares permitiriam manter o desenvolvimento econômico.

A criação da taxa Tobin "vale a pena ser examinada", mas a cooperação mundial deve ser reforçada, disse Brown, que ressaltou que "a primeira coisa a ser feita é obter uma cooperação mundial com todos os países importantes, um ponto no qual ainda não chegamos".

"A segunda é se ocupar dos paraísos fiscais. Se uma jurisdição não pode aplicar uma proposta assim, será difícil a sua aplicação em outras jurisdições", acrescentou.

"Por conseguinte, creio que o que vamos ver esta semana e, em particular na semana que vem, é uma ação contra os paraísos fiscais de todo o mundo que não cooperam", indicou Brown.

A maioria dos analistas espera que o Reino Unido e os Estados Unidos se oponham à taxa Tobin, por temor de que esta afete seus importantes centros financeiros.

A taxa Tobin leva este nome em homenagem ao Prêmio Nobel norte-americano de economia, James Tobin, que foi o primeiro a sugerir sua criação nos anos 1970.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host