UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/10/2009 - 06h31

Ex-diretores do Lehman Brothers querem US$ 100 milhões

NOVA YORK, EUA, 14 Out 2009 (AFP) - Nove ex-diretores do banco americano Lehman Brothers na Europa exigem o pagamento de mais de 100 milhões de dólares, que estariam estipulados em seus contratos, informa o site do "Wall Street Journal".

No grupo estão os co-diretores das atividades do banco na Europa e Oriente Médio, Riccardo Banchetti e Christian Meissner, que reclamam respectivemente 26,04 e 17,3 milhões de dólares.

Todos alegam que receberam a promessa de remunerações diferenciadas ou a opção por ações, em algunos casos cinco anos antes da falência do banco.

Se outros diretores do banco - que quebrou no dia 15 de setembro de 2008 - apresentarem exigências similares ao administrador judicial do caso, o valor pode subir ainda mais, destaca o "WSJ".

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host