UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

03/11/2009 - 22h05

Ana Patricia Botín assume Santander no Reino Unido

LONDRES, 3 Nov 2010 (AFP) -A espanhola Ana Patricia Botín, até agora presidente executiva do Banesto, dirigirá a filial britânica do Santander, anunciou nesta quarta-feira o banco espanhol em comunicado.

Ana Patricia Botín, filha mais velha do presidente do Santander, Emilio Botín, sucederá no cargo de conselheiro delegado ao português Antonio Horta-Osorio, que passará a dirigir, em 2011, o banco britânico Lloyds Banking Group.

A posse está prevista para 1º de janeiro.

Considerada a herdeira oficiosa de seu pai, Ana Patricia Botín, de 50 anos, trabalhou durante sete anos no JP Morgan antes de incorporar-se, em 1988, ao Banco Santander. Em 2002, foi nomeada presidente executiva do Banesto, filial do Santander, cargo que vinha ocupando até agora.

Botín disse em comunicado que aceitava o novo desafio "com muito entusiasmo, e expressou confiança de que o Santander UK chegará a ser "o melhor banco do Reino Unido" - o segundo mercado para a entidade espanhola, depois do Brasil.

Em 2002, Botín foi nomeada presidente executiva do Banesto, filial do Santander, cargo que ocupou até o momento.

Este ano, Botín apareceu na 38ª posição da lista das mulheres mais poderosas do planeta.

Segundo o presidente do Santander UK, Lord Terry Burns, a nomeação de Botín "mostra a importância do Reino Unido para o Santander, e ela "contribuirá de maneira significativa para a próxima fase após a entrada bem sucedida no mercado britânico".

Santander, segunda entidade europeia em capitalização, superada apenas pelo HSBC, ampliou consideravelmente suas atividades nos últimos anos no Reino Unido com a compra do grupo Abbey, em 2004, do Alliance & Leicester, no final de 2008, e da rede de agências do Bradford & Bingley.

Em agosto passado, Santander adquiriu 318 agências do Royal Bank of Scotland (RBS).
Hospedagem: UOL Host