UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

08/11/2009 - 08h46

Obama defende política monetária do Fed

NOVA DÉLHI, 8 Nov 2010 (AFP) -O presidente americano, Barack Obama, saiu em defesa do papel do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) e de suas medidas de estímulo à economia do país, após críticas feitas no exterior.

"O mandato do Fed e meu mandato é fazer com que a economia cresça. Isso não é bom apenas para os Estados Unidos, é bom para o mundo de maneira geral", afirmou o presidente em Nova Délhi.

O Fed foi duramente criticado no exterior, principalmente por Brasil, China e Alemanha, depois de ter anunciado, na última quarta-feira, a injeção de 600 bilhões de dólares no sistema financeiro dos EUA até junho de 2011.

Esta decisão, que equivale à impressão de moeda, pode favorecer a queda do dólar, tornando mais competitivas as exportações americanas em detrimento de outros países.
Hospedagem: UOL Host