UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

09/11/2009 - 18h42

Brasil é o segundo destino de investimentos chilenos

SANTIAGO, Chile, 9 Nov 2009 (AFP) - O Brasil tornou-se o segundo principal destino dos investimentos chilenos no exterior, com um volume superior a 8 bilhões de dólares desde 1990, ficando atrás apenas da Argentina, informou nesta segunda-feira a Câmara de Comércio de Santiago (CCS).

A subida de posição do Brasil, em detrimento do Peru, ocorre devido à compra de operações da Aracruz celulose pela chilena CMPC, com um investimento de 1,657 bilhão de dólares.

Em seu relatório trimestral sobre investimentos externos, a CCS assinala que "o investimento chileno no exterior soma mais de 43,500 bilhões de dólares desde 1990, e que a Argentina segue como o maior destino, em todo o período".

"A maior novidade foi que com o investimento recebido neste trimestre, o Brasil recuperou o segundo lugar, posição que havia perdido para o Peru em consequência dos fortes investimentos chilenos naquele país nos últimos cinco anos", principalmente nos setores de varejo, construção civil e energia.

A Argentina continua sendo o principal destino dos investimentos chilenos, com 15,528 bilhões de dólares desde 1990, mas a CCS destaca uma mudança desta tendência nos últimos anos.

Do total de investimentos externos do Chile, 97% estão na América Latina, 1% nos Estados Unidos, 1% na Europa e 1% divididos entre Ásia, África e Oceania.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host