UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

09/11/2009 - 06h46

Diretores da JAL não receberão salário em dezembro

TÓQUIO, Japão, 9 Nov 2009 (AFP) - A maior companhia aérea japonesa, a Japan Airlines (JAL), anunciou nesta segunda-feira que os 71 principais diretores da empresa não receberão salário em dezembro, como parte dos esforços de reestruturação do grupo, que passa por graves dificuldades financeiras.

A medida será aplicada ao presidente Haruka Nishimatsu e a outros 70 dirigentes da companhia.

O grupo estuda ainda a eliminação dos tradicionais bônus de inverno para 17.000 funcionários.

"Temos que fazer esforços para reduzir custos, porque solicitamos dinheiro público", afirmou um porta-voz da empresa.

A JAL, maior companhia aérea da Ásia, acumula uma imensa dívida. Atualmente elabora um plano de reestruturação, que deve resultar em milhares de demissões e no fim das rotas consideradas não rentáveis.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host