UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/11/2009 - 09h53

Solidez da recuperação britânica permanece incerta

LONDRES, 11 Nov 2009 (AFP) - O Banco da Inglaterra (BoE) considera que a solidez da recuperação econômica britânica continua sendo "altamente incerta", apesar das perspectivas de crescimento um pouco mais fortes, em seu relatório trimestral sobre a inflação publicado nesta quarta-feira.

"Uma recuperação da produção é provável, impulsionada pelo considerável estímulo das políticas fiscais e monetárias passadas e a desvalorização da libra esterlina", afirma o BoE no informe.

"Mas restrições na oferta de créditos bancários e preocupações sobre os balanços continuarão pesando nos gastos de consumo e investimentos", completa o banco central inglês.

A instituição explica que ainda existe um risco de "pouca atividade", mas que dependerá da solidez da recuperação e do desenvolvimento da oferta, que continuam sendo ambas "altamente inciertas".

O BoE também estima que a inflação deve superar a curto prazo 2%, podendo inclusive se aproximar de 3% no fim de 2009 ou início de 2010, antes de voltar a cair novamente abaixo desta faixa no fim do próximo ano.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host