UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/03/2010 - 19h29

Wall Street sobe após queda do desemprego nos EUA

A Bolsa de Nova York fechou em alta nesta sexta-feira, impulsionada por índices de desemprego nos Estados Unidos menores que o previsto, que aumentaram a esperança de uma recuperação rápida no mercado de trabalho: o Dow Jones ganhou 1,17% e o Nasdaq, 1,48%.

O índice Dow Jones Industrial Average subiu 122,06 pontos, fechando a 10.566,20 unidades. A bolsa eletrônica Nasdaq somou 34,04 pontos, a 2.326,35, enquanto o índice ampliado Standard & Poor's 500 subiu 1,40%, a 1.138,70 pontos.

O Dow Jones não fechava acima dos 10.500 pontos desde o dia 20 de janeiro. E o Nasdaq alcançou seu nível mais alto desde o início de setembro de 2008.

Muito esperadas, as estatísticas do emprego "deram um bom tom ao mercado", comentou Lindsey Piegza, da FTN Financial.

Segundo o informe mensal de emprego do departamento de Trabalho, a economia americana perdeu em fevereiro 36 mil postos de trabalho.

A taxa de desemprego do país se manteve estável em 9,7%, de acordo com o informe. Os analistas previam um índice de 9,8%.

Por outro lado, o mercado de obrigações baixou. O rendimento de bônus do Tesouro a 10 anos subiu 3,682%, contra 3,606% na noite de quinta-feira, enquanto o bônus a 30 anos fecharam a 4,639%, contra 4,556% na véspera.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host