UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

14/03/2010 - 22h21

Apagão atinge grande parte do Chile, inclusive Santiago

Uma falha no sistema interconectado elétrico provocou um extenso apagão no norte, centro e sul do Chile, inclusive na capital, Santiago, informou o Departamento Nacional de Emergência (Onemi).

Segundo a fonte, a falha gerou um apagão generalizado, da região do Atacama, 1.000 km ao norte de Santiago, até a ilha de Chiloé, 1.000 km ao sul da capital chilena.

Na área compeendida vivem mais de 80% da população do Chile, de 17 milhões de pessoas.

O secretário-geral da presidência, Cristian Larroulet, confirmou a magnitude do dnao.

"Efetivamente houve um corte (de luz) de Tal Tal (norte) até Los Lagos (sul). O mais provável é que tenha ocorrido por (causa da) fragilidade das linhas devido ao terremoto. É uma consequência a mais do terremoto que afetou o nosso país", disse Larroulet, que afirmou que a luz voltará pouco a pouco e que em três horas a situação deve se normalizar.

De acordo com uma fonte do Onemi, citada pela edição on-line do jornal El Mercurio, o apagão se deveu a uma falha no sistema interconectado central, que abastece com eletricidade este vasto território.

Santiago ficou sem luz pouco antes das 21h00 locais (21h00 de Brasília), e a falta de luz causou problemas na telefonia, comprovaram jornalistas da AFP.

As autoridades não informaram se a falha teve qualquer vínculo com o terremoto de 8,8 graus que castigou o Chile em 27 de fevereiro passado, deixou enormes danos e teve dezenas de réplicas.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host