UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/04/2010 - 09h14

British Airways calcula em US$ 30 milhões diários o custo do bloqueio aéreo

A companhia britânica British Airways calculou nesta segunda-feira entre 15 e 20 milhões de libras diárias (US$ 23 a US$ 30 milhões) o custo da paralisação aérea causada pela nuvem de cinzas vulcânicas.


A União Europeia (UE) está disposta a autorizar que os Estados membros concedam ajudas públicas "excepcionais" às companhias afetadas pelo caos aéreo gerado por uma nuvem de cinzas vulcânicas, informou a Comissão Europeia.

O Executivo comunitário está "disposto a estudar um dispositivo como o que foi adotado após os atentados de 11 de setembro de 2001" nos Estados Unidos, que permitiu às companhias receber ajudas em "circunstâncias excepcionais", declarou o comissário europeu de Concorrência, Joaquín Almunia.

Em uma estimativa inicial e conservadora publicada na sexta-feira passada, a Associação Internacional do Transporte Aéreo (Iata) calculou que o bloqueio está custando 200 milhões de dólares diários ao setor.

 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host