UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/04/2010 - 17h43

Produtores do Grupo Cairns debatem liberalização agrícola no Uruguai

Produtores dos países do Grupo Cairns (GC) tentam nesta segunda e na terça-feira em Punta del Este traçar uma estratégia para avançar nas negociações sobre a liberalização do comércio de bens agrícolas, com a participação do diretor geral da OMC, Pascal Lamy.

A 35ª reunião de ministros do GC, que reúne 19 países que geram 25% das exportações agrícolas mundiais, terá como objetivo analisar de forma conjunta uma forma de concluir a Rodada de Doha, iniciada em 2001 pela Organização Mundial do Comércio, que deveria ter sido concluída em 2005.

O GC exige fortes cortes nas tarifas alfandegárias e a supressão total dos subsídios às exportações agrícolas vigentes nos países desenvolvidos, mas as negociações avançam com dificuldade.

"Não vamos permitir que a frustração derrote a ambição", disse Simon Crean, ministro do Comércio australiano e atual presidente do grupo, referindo-se aos cinco anos de bloqueio nas negociações.

Além de suas ambições, o Grupo Cairns "também tem um papel construtivo, estimulando a aproximação entre as partes" e favorecendo as negociações bilaterais em meio às multilaterais, inclusive entre países que não integram o grupo, destacou Crean a um grupo de jornalistas de agências internacionais.

O representante comercial adjunto dos Estados Unidos, Michael Punke, um dos convidados especiais à reunião ministerial, devia expor a posição de Washington sobre as normas para o comércio de produtos agrícolas, mas o caos nos aeroportos ameaçava sua participação.

Também são convidados especiais os ministros de Agricultura e Comércio de Japão, China, Índia e Egito, o secretário de Economia do México, os comissários de Comércio e Agricultura da União Europeia e o presidente do Grupo de negociações agrícolas da OMC, David Walker.

O Grupo Cairns é integrado por Argentina, Austrália, Bolívia, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Filipinas, Guatemala, Indonésia, Malásia, Nova Zelândia, Paquistão, Paraguai, Peru, África do Sul, Tailândia e Uruguai.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host