UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

28/04/2010 - 17h42

Petróleo fecha em alta em Londres e Nova York

Os preços do petróleo fecharam em alta nesta quarta-feira em Londres e Nova York, em uma reação registrada nos últimos minutos da sessão, após comentários do Federal Reserve sobre a manutenção de taxas e estoques de petróleo americanos.

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de West Texas Intermediate (designação de "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em junho fechou em 83,22 dólares, uma alta de 78 centavos em relação a terça-feira.

No InterContinentalExchange de Londres, o barril de Brent do Mar do Norte com igual vencimento ganhou 38 centavos, a 86,16 dólares.

Cerca de quinze minutos antes do fechamento de Nova York, o WTI evoluía em torno do equilíbrio.

Os investidores "esperaram até o último momento para abrir o jogo", constatou Ellis Eckland, analista independente, uma situação típica dos dias em que se espera um evento importante, afirmou.

Às 18H15 GMT (15H15 de Brasília), o Federal Reserve (Fed, banco central americano) publicou comentários que não surpreenderam, no fim de sua reunião política monetária, mantendo sua taxa diretriz quase nula por um período prolongado, apesar da melhoria da conjuntura.

Isso aumentou parcialmente o ânimo dos investidores, preocupados com os problemas de dívidas de países da Europa, diminuindo a pressão sobre o dólar ante o euro e, consequentemente, sobre o mercado de petróleo.

Este permaneceu relativamente indiferente ao informe sobre os estoques petrolíferos nos Estados Unidos, publicado mais cedo pelo departamento de Energia.

"Os investidores esperavam esses números negativos, mas compram porque pensam que a tendência vai mudar", indicou Ellis Eckland.

As reservas de petróleo aumentaram 1,9 milhão de barris na semana finalizada em 23 de abril, segundo números do DoE, quando os analistas interrogados pela agência Dow Jones Newsires previam uma alta de apenas 800 mil barris.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host