UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/05/2010 - 17h46

Petróleo perde quase 3 dólares em NY e Londres

Os preços do petróleo desabaram pelo terceiro dia consecutivo nesta quinta-feira, perdendo quase três dólares em Nova York e Londres, onde os operadores seguem preocupados com as dificuldades financeiras da zona do euro.

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril do West Texas Intermediate (designação do "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em junho fechou em 77,11 dólares, em forte baixa de 2,86 dólares em relação à quarta-feira.

No InterContinentalExchange de Londres, o barril de Brent do Mar do Norte com igual vencimento perdeu 2,78 dólares, a 79,83 dólares.

"Isto se deve inteiramente aos temores macroeconômicos", considerou Ellis Eckland, analista independente. "A crise da dívida na Europa pode ser claramente negativa para a reativação econômica no mundo, particularmente na Europa".

"E isto leva os investidores à segurança oferecida pelo dólar", como refúgio, acrescentou.

Entretanto, um dólar mais forte faz com que o petróleo, cotado na moeda americana, seja menos atraente para os investidores que possuem outras moedas.

O euro vem caindo frente ao dólar em grande velocidade desde o início da semana, devido à crise grega e aos temores de contágio a outros países europeus.

"Sempre é a mesma história: o euro está sob um fogo cruzado e o fortalecimento do dólar pressiona a cotação da energia", comentou John Kilduff, da Round Earth Capital.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host