UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/05/2010 - 16h55

Prudência continua e petróleo fecha acima dos US$ 70 em NY

NOVA YORK, 24 Mai 2010 (AFP) -Os preços do petróleo, que caíram cerca de 20% desde o início do mês, estabilizaram-se nesta segunda-feira em Nova York, fechando acima dos 70 dólares, em um mercado que se mantém prudente diante da crise na zona do euro.

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril do West Texas Intermediate (designação de "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em julho, fechou em 70,21 dólares, alta de 17 centavos em relação à sexta-feira.

Por outro lado, no InterContinentalExchange de Londres, o barril de Brent do Mar do Norte com igual vencimento perdeu 51 centavos, para 71,17 dólares.

"O mercado continua muito volátil", afirmou Antoine Halff, da Newedge Group.

"Os indicadores econômicos americanos foram bastante positivos ultimamente, mas o que pesa atualmente é a crise financeira europeia", completou. "É difícil imaginar uma recuperação espetacular e imediata do euro, dessa forma, não penso que o petróleo vá ter uma retomada muito rápida".

Os preços, que tinham beirado os 90 dólares no fim de abril, perderam desde então 20% de seu valor, depois que a crise da dívida europeia alimentou profundas dívidas sobre o vigor da reativação da economia mundial e, como consequência, sobre as perspectivas da demanda por petróleo.

Sinal da prudência mostrada pelos mercados nesta segunda-feira, o euro perdia parte de seus ganhos da semana passada e voltava a ser negociado em torno de 1,24 dólar. A atenção estava na situação da Espanha, onde o banco central teve de resgatar no sábado a Cajasur, uma instituição financeira do sul do país, que era controlada pela Igreja Católica.

"O mercado evolui em uma margem muito estreita, nervoso diante da volatilidade observada nos últimos tempos nos mercados financeiros", afirmaram analistas do Barclays Capital.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host