UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

27/06/2010 - 19h05

Violentos protestos contra G8 e G20 deixam 600 detidos no Canadá

Toronto, 27 Jun 2010 (AFP) -Cerca de 600 pessoas foram detidas durante os violentos protestos contra as cúpulas do G8 (grupo das oito maiores economias do planeta) e do G20 (países desenvolvidos e principais emergentes), celebradas este fim de semana em Toronto, Canadá, onde a polícia teve que usar gás lacrimogêneo e balas de borracha para dispersar a multidão, informaram este domingo as autoridades à AFP.

Na noite de sábado, depois dos protestos em que pelo menos dois carros patrulha foram incendiados, vários jovens foram detidos e algemados em plena rua, constatou um jornalista da AFP.

Toronto, a maior cidade do Canadá, amanheceu agitada, após um dia de violência que fez com que a maioria das lojas fechassem as portas até a segunda-feira.

As autoridades fecharam o metrô durante a noite e hotéis e hospitais fecharam as portas, enquanto os distúrbios se multiplicaram nas ruas, onde confrontos esporádicos entre manifestantes e as tropas de choque deixaram 224 detidos só este domingo.

Muitos manifestantes foram acusados formalmente, disse Gillian Van Acker, porta-voz da equipe integrada de segurança, sem dar números precisos.

Os bueiros da rede de esgoto também foram selados, depois que vários manifestantes saíram de um deles, dentro do perímetro isolado pela polícia.

Os policiais se mantinham muito presentes este domingo no centro da cidade, onde um amplo perímetro de segurança em torno da sede da cúpula impede a passagem de veículos e pedestres.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host