UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/08/2010 - 09h00

EUA perdem 60 mil barris de petróleo por dia após acidente no golfo do México

PARIS, 11 Ago 2010 (AFP) -A produção de petróleo no golfo do México cairá em 60 mil barris por dia (bd) em consequência da maré negra provocada em abril pela plataforma da BP que explodiu, informou a Agência Internacional de Energia (AIE) em seu relatório mensal, publicado nesta quarta-feira.

As estimativas inicialmente previstas para 2010 na produção de petróleo no golfo do México cairão em 60 mil bd, efeito direto da maré negra, segundo a AIE.

"A maior parte deste cálculo se baseia no fato de que determinados projetos serão atrasados entre seis e 12 meses por causa da maré negra", explicou a agência, que para 2011 prevê uma queda mais elevada da produção de petróleo na área (até 100 mil bd).

Uma estimativa anterior da AIE previa um impacto duas vezes menor da maré negra no golfo do México, com uma redução de apenas 30 mil bd em 2010.

"O impacto continua sendo relativamente fraco, e a paralisação não afeta os atuais poços em operação", destacou a agência.

O relatório lembra que o presidente Barack Obama decretou um congelamento das perfurações petrolíferas em águas profundas após o acidente com a plataforma "Deepwater Horizon", da British Petroleum.

Esta medida vigora até o dia 30 de novembro.

A produção total de cru nos Estados Unidos chega a 7,45 milhões de bd, e deve permanecer estável entre 2009 e 2011, indicou a AIE.

Hospedagem: UOL Host