UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

03/06/2009 - 18h33

Ibovespa fecha em queda com realização de lucros

EFE
São Paulo, 3 jun (EFE).- A realização de lucros por parte dos investidores e a queda das ações líderes do mercado derrubaram novamente hoje o Índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa), que fechou com uma queda de 3,54%, para 52.086 pontos.

Como no pregão da terça-feira, o Ibovespa foi influenciado hoje pela realização dos lucros dos últimos dias e, paralelamente, os papéis líderes - como os petroleiros e metalúrgicos, acompanhados pelos do setor das telecomunicações - favoreceram a queda.

Em sua segunda queda consecutiva, o mercado paulista teve um dia de grande volume financeiro propício também devido à entrada de capital estrangeiro.

Os analistas da bolsa afirmaram que o desempenho dos dois últimos pregões corresponde a um "ajuste de correção" normal, depois da valorização alcançada nos últimos dias pelas ações do pregão.

Segundo dados reajustados, o Ibovespa caiu 1.913 pontos a respeito do fechamento da terça-feira, quando caíra 0,89%.

O índice oscilou entre os 51.643 pontos de mínima e os 54.000 de máxima.

O mercado registrou hoje um volume financeiro de R$ 6,501 bilhões, produto de 420.828 negociações com mais de 18,78 bilhões de títulos.

Entre as três ações que subiram no pregão, destacaram-se as ordinárias da Souza Cruz, com alta de 3,13%.

Entre as 60 que caíram, a liderança foi das preferenciais do fundo de investimentos da Brasil Telecom, com queda de 6,90%. Só uma ação se manteve estável.

Os papéis mais negociados foram os preferenciais da Petrobras, com uma participação de 15,39% e uma queda de 4,05%.

No mercado cambial, o real caiu hoje 2,07% frente ao dólar, que foi negociada a R$ 1,962 para compra e R$ 1,964 para venda na taxa de câmbio comercial.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host