UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/06/2009 - 04h55

Oposição alemã oferece ajuda a Merkel para enfrentar a crise

EFE
Berlim, 15 jun (EFE).- O presidente da oposição social-democrata alemã (SPD), Sigmar Gabriel, ofereceu a colaboração de seu partido à coalizão de Governo dirigida por Angela Merkel para enfrentar a crise econômica e colocar em prática as medidas necessárias de economia.

Após comentar que sua formação não tem intenção de realizar uma política de bloqueio no Bundesrat, a câmara alta alemã, Gabriel ressalta: "de nenhuma maneira queremos uma grande coalizão, mas somos conscientes da gravidade da situação".

"Sem uma grande coalizão também pode ser alcançado um pacto para abordar as questões centrais para nosso país", afirma o líder do SPD em declarações publicadas nesta terça pelo jornal econômico "Handelsblatt".

Gabriel comenta que seu partido aposta em primeiro lugar em uma redução das subvenções, com a qual "sem problemas poderiam ser economizados até 10 bilhões de euro por ano".

Além disso, é proposta a eliminação da redução do IVA aos hotéis e, apesar das necessidades de poupança, reforçar os investimentos, taxando com dois e até três pontos suplementares os impostos para as classes mais endinheiradas.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host