UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/11/2009 - 07h16

PIB caiu menos na Espanha no terceiro trimestre de 2009

EFE
Madri, 18 nov (EFE).- O Produto Interno Bruto (PIB) na Espanha moderou sua queda trimestral em 0,3% entre julho e setembro de 2009, graças à menor deterioração do consumo e o investimento, segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), com o que a queda anualizada da economia se situa em 4%.

A demanda interna seguiu o crescimento, embora menos (6,5 pontos frente aos 7,4 do segundo trimestre), porque o consumo diminuiu sua queda graças a uma "percepção da economia menos negativa por parte das famílias".

Isto permitiu que a despesa das famílias caísse 5,1% anualizado, contra 6% no segundo trimestre.

A despesa das administrações públicas seguiu crescendo, embora em menor medida que no segundo trimestre, devido a um menor ritmo das compras públicas de bens e serviços, assim como da remuneração de seus assalariados.

O investimento continuou retrocedendo de forma intensa, 16,2%, embora também esta queda foi menor que a do segundo trimestre.

Já a demanda externa continua sendo a que dá uma contribuição positiva ao crescimento, que no terceiro trimestre foi de 2,5 pontos e tanto as importações como as exportações caíram menos no terceiro trimestre.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host