UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/01/2010 - 09h32

Feira de Turismo de Madri abre 31ª edição em clima de recuperação do setor

Madri, 19 jan (EFE).- A 31ª edição da Feira Internacional de Turismo de Madri (Fitur) abre suas portas nesta quarta-feira em clima de recuperação do setor com presença de países latino-americanos.

Entre os dias 19 e 23 de janeiro, o evento reúne profissionais do setor para lançar as tendências mais inovadoras do turismo, fechar negócios, além de atrair o consumidor final para conhecer as atrações.

Uma recuperação avaliada pelo relatório divulgado nesta semana em Madri pela Organização Mundial do Turismo (OMT), anunciou que a indústria do turismo mundial fechou 2010 com 935 milhões de turistas, 6,7% a mais que em 2009, o que compensou a queda do ano passado no setor e superou o nível máximo prévio à crise.

A Feira conta com a presença de 10,5 mil empresas de 166 países e ocupa um espaço de 75 mil metros quadrados em 10 pavilhões do parque de exposições na capital espanhola.

Entre os números da edição, o evento destaca o crescimento de 3% da área empresarial e o retorno de grandes empresas como Iberia, Amadeus, Accor, Barceló e National Atesa.

Também estarão presentes os grupos turísticos Globalia, através de sua cadeia hoteleira, e Orizonia, com sua nova divisão de agências de viagens, denominada Smilo.

Além disso, a Fitur 2011 destaca a chegada pela primeira vez de alguns destinos, como a República Democrática do Congo e Paquistão, além de novas representações oficiais como as da Nova Zelândia, Líbano e África do Sul.

Um feito com que aprova também o crescimento da participação de alguns expositores internacionais é o aumento do espaço de exposição da Agência de Promoção Turística da América Central em 24% em comparação a última edição.
Hospedagem: UOL Host