UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

29/01/2010 - 14h30

Confiança dos consumidores dos EUA chega a nível mais alto em 2 anos

EFE
Nova York, 29 jan (EFE).- A confiança dos consumidores dos Estados Unidos na evolução da economia e de suas finanças pessoais subiu em janeiro e alcançou o nível mais alto nos dois últimos anos, segundo dados da Universidade de Michigan, divulgados hoje.

O índice elaborado por essa entidade para medir a confiança dos consumidores, através de consultas periódicas com 500 famílias do país, alcançou este mês os 74,4 pontos, 1,9 a mais que no mês anterior e 1,2 a mais do que se tinha calculado inicialmente.

O nível alcançado em janeiro é o mais alto desde o mesmo mês de 2008, devido mais à confiança dos consumidores nas condições gerais da economia do que nas de suas próprias finanças.

"Os consumidores estão majoritariamente convencidos de que o pior já passou, mas preveem uma estagnação do emprego e da renda pessoal, e nem tanto um rápido crescimento em 2010", explicou a entidade, que calcula que a despesa dos americanos aumentará em torno de 1,8% este ano.

Outros cálculos semelhantes da entidade privada de análise The Conference Board divulgados na terça-feira passada também apontaram um aumento da confiança em janeiro, pelo terceiro mês consecutivo.

Na avaliação sobre as condições atuais de negócio, 9% dos entrevistados por essa entidade consideraram que são "boas", contra 7,5% que tinham essa mesma percepção em dezembro do ano passado.

Sobre o mercado de trabalho, 47,4% consideraram que é difícil encontrar emprego, comparado aos 48,1% que tinham essa impressão em dezembro.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host