UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/02/2010 - 12h20

Lucro da operadora Vivo cresce 120% em 2009 no Brasil

EFE
Rio de Janeiro, 10 fev (EFE).- A Vivo, a maior operadora de telefonia celular do Brasil que pertence aos grupos Portugal Telecom e Telefonica, obteve no ano passado um lucro líquido de R$ 857,5 milhões, resultado 120% superior ao de 2008, informou hoje a companhia.

Apesar do forte crescimento do lucro anual, no último trimestre de 2009 houve uma queda de 0,2% frente ao mesmo período de 2008 e somou R$ 222,1 milhões, segundo o comunicado enviado pela empresa a seus investidores.

No ano passado, o crescimento do lucro foi consequência de uma melhoria nos resultados operacionais e financeiros, o que refletiu em uma redução de 28,6% da dívida.

Em dezembro, a empresa tinha participação de 29,75% em um mercado que chegava a 173,9 milhões de usuários (90,5 celulares para cada 100 habitantes).

A empresa, formada pela joint venture da Telefónica e Portugal Telecom, tinha em dezembro 51,74 milhões de clientes, um crescimento do 15,1% na comparação com igual período de 2008.

Apesar de a empresa ter aumentado no ano passado o número de clientes em 6,8 milhões, dos quais 2,9 milhões no último trimestre, sua participação no mercado ficou abaixo dos 29,8% de dezembro de 2008.

Segundo o balanço, a receita da companhia subiu 3,4% em 2009, para R$ 16,363 bilhões, e as despesas operacionais aumentaram 1,8%, para R$ 11,145 bilhões.

O lucro antes de impostos, depreciação e amortização (Ebitda) no ano passado somou R$ 5,218,3 bilhões, um crescimento de 7,2% frente a 2008.

A dívida líquida de Vivo no fechamento de dezembro era de R$ 3,786 bilhões, da qual 81,4% das obrigações eram de longo prazo.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host