UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/02/2010 - 14h56

BB, Bradesco e Santander unirão serviço de caixa eletrônico até julho

EFE
Rio de Janeiro, 11 fev (EFE).- O Banco do Brasil, o Bradesco e a filial brasileira do banco espanhol Santander anunciaram hoje um acordo para compartilhar cerca de 11 mil caixas eletrônicos até julho.

Os bancos informaram em comunicado que, em aproximadamente cinco meses, os clientes das três instituições poderão compartilhar os caixas instalados em locais sem agências bancárias, como aeroportos, supermercados, shoppings, farmácias e postos de gasolina.

"Na conclusão desta operação, os bancos pretendem ter um modelo de negócios que possibilite o acesso por seus clientes a cerca de 11 mil TAA (terminais de autoatendimento) externos. Este modelo proporcionará significativo aumento da disponibilidade e capilaridade da rede, com ganho de eficiência em relação à atual forma de utilização individualizada das respectivas redes de autoatendimento", diz o comunicado.

Dentre os quatro maiores bancos no Brasil, o acordo entre os gigantes só exclui o Itaú-Unibanco, a maior entidade bancária privada do país e da América Latina.

O Banco do Brasil é o maior do país, enquanto que Bradesco e Santander são respectivamente terceiro e quarto na lista das maiores empresas financeiras brasileiras por volume de ativos.

O acordo para compartilhar os caixas eletrônicos vinha sendo discutido há pelo menos dez anos, mas com poucos avanços.

O Brasil é um dos poucos países do mundo em que a maioria dos caixas eletrônicos é individual e não universal.

O Banco do Brasil conta com cerca de 45 mil caixas eletrônicos em todo o país.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host