UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/02/2010 - 05h08

UE se reúne em Bruxelas para discutir crise financeira da Grécia

EFE
Bruxelas, 11 fev (EFE).- Os líderes da União Europeia (UE) se reúnem nesta quinta-feira, em Bruxelas, para examinar e discutir a situação econômica da Grécia, e avaliar como o bloco europeu pode ajudar o país a sair de sua crise orçamentária.

A grave situação das finanças gregas colocou os países do euro em situação de emergência pela primeira vez desde que a moeda única europeia foi criada, há 11 anos.

Esta cúpula informal, a primeira sob a Presidência do belga Herman Van Rompuy, começará com algumas horas de atraso em relação ao programa previsto, por causa do mau tempo em Bruxelas, segundo informaram fontes diplomáticas.

Estava previsto que a reunião do Conselho Europeu começasse às 10h15 locais (7h15 de Brasília), mas foi adiada para as 12h locais (9h em Brasília), devido aos problemas que o frio e a neve estão causando à capital da Europa.

Alemanha e França são as responsáveis pela coordenação de um plano de urgência para o caso de o Estado grego não conseguir se sustentar financeiramente pelas vias normais.

Fontes oficiais alemãs asseguraram em Berlim que este ainda não é o caso. A Grécia segue tratando de sua dívida no mercado sem problemas, embora a um custo mais alto, e não existe a possibilidade de um anúncio iminente de ajuda financeira europeia a Atenas.

Os dezesseis ministros de Finanças da Eurozona realizaram ontem uma sessão de concertação, por videoconferência, seguindo proposta do presidente do Eurogrupo, o luxemburguês Jean-Claude Juncker. A conversa virtual não liquidou a questão.

A dificuldade da situação se encontra nas regras da união monetária europeia, que proíbem o Banco Central Europeu e a Comissão Europeia de financiarem diretamente o endividamento de um estado da zona.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host