UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/02/2010 - 08h58

Crescimento econômico cai na UE no último trimestre de 2009

EFE

Bruxelas, 12 fev (EFE).- A economia da União Europeia (UE) e da zona do euro cresceu 0,1% entre outubro e dezembro de 2009, contra avanços de 0,4% nos países da moeda única e 0,3% no conjunto do bloco no trimestre anterior.

Em termos anualizados, a economia na zona do euro encolheu 2,1%, enquanto no conjunto da UE o corte foi de 2,3%, após quedas de 4% e 4,3%, respectivamente, no trimestre anterior.

Segundo o Eurostat (escritório de estatísticas da UE), a economia dos países da moeda única acumulou uma queda de 4% em 2009, enquanto no conjunto da UE o retrocesso foi de 4,1%.

Dentre os países para os quais há dados, os que mais avançaram no quarto trimestre de 2009 foram Estônia (2,6%) e Eslováquia (2%), enquanto os que mais sentiram a crise econômica foram Letônia (-3,2%) e Romênia (-1,5%).

O Reino Unido voltou ao crescimento com uma alta de 0,1% em seu Produto Interno Bruto (PIB) após três trimestres consecutivos no vermelho, enquanto a Itália deu um passo para atrás com uma queda de 0,2% após ter registrado um avanço de 0,6% no trimestre anterior.

A França conseguiu um crescimento de 0,6% (teve avanço de 0,2% no trimestre anterior) e o PIB da Alemanha se manteve estável após crescer 0,7% nos três meses anteriores.

Na Espanha, os números continuaram negativos - queda de 0,1% no PIB no último trimestre do ano passado -, mas houve uma melhora em relação aos dados de entre julho e setembro de 2009 (-0,3%).

Todos os países com dados disponíveis assistiram a quedas em seus PIBs em termos anualizados.

Entre as principais economias comunitárias, a Alemanha registrou baixa de 2,4% frente ao ano anterior (-4,8% no trimestre anterior) e a França, de 0,3% (-2,3% nos três meses anteriores).

A economia britânica se contraiu 3,2% em termos anualizados (-5,1% nos três meses anteriores) e a italiana, 2,8% (-4,6% no trimestre anterior).

O PIB espanhol caiu 3,1% entre outubro e dezembro de 2009 na comparação com o mesmo período do ano anterior, frente a uma queda anualizada de 4% no trimestre precedente.

As piores evoluções anualizadas entre os 27 países da UE foram as de Letônia (-17,9%), Lituânia (-13%) e Estônia (-9,4%).

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host