UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/02/2010 - 08h30

Presidente da Toyota nega ter escondido problemas de qualidade

T óquio, 17 fev (EFE).- Akio Toyoda, presidente da Toyota, negou hoje que a companhia tenha escondido problemas de qualidade relacionados ao recall de mais de 8 milhões de veículos no mundo todo.

Toyoda, em sua terceira entrevista coletiva em 12 dias, disse ainda que não testemunhará na audiência em que o Congresso americano vai tentar determinar quando a montadora soube dos problemas com os aceleradores de seus veículos e se a empresa atuou a tempo para solucionar a falhas, informou a agência "Kyodo".

O neto do fundador da Toyota também anunciou a criação de um comitê de controle de qualidade, com responsáveis em suas principais regiões de negócio, após o maciço recall das últimas semanas.

Desde o fim de novembro, a Toyota chamou para revisão cerca de 8 milhões de carros, especialmente nos EUA e na Europa.

A esse número, se somaram outras 437 mil unidades de quatro modelos híbridos.

A fabricante japonesa prometeu hoje que 80% dos reparos nos carros híbridos estarão concluídos antes do fim de fevereiro.

Além disso, Toyoda anunciou que o grupo instalará sistemas de frenagem de emergência em todos os modelos, para evitar problemas com o pedal do acelerador como os que originaram os primeiros anúncios de recall.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host