UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/02/2010 - 09h44

Zona do euro volta a ter superávit após déficit em 2008

Bruxelas, 17 fev (EFE).- Após o déficit recorde de 54,7 bilhões de euros em 2008, os países da zona europeia de moeda única fecharam 2009 com superávit comercial de 22,3 bilhões de euros, segundo as primeiras estimativas apresentadas hoje pelo escritório estatístico do bloco (Eurostat).

Já o conjunto da União Europeia (UE) acumulou um déficit comercial de 105,5 bilhões de euros durante ao ano passado, uma queda menor que a de 2008, que havia sido de 258,4 bilhões.

As exportações da zona do euro em 2009 foram de 1,274 trilhão de euros e as importações, de 1,252 trilhão, o que representa uma queda de 18% e de 22%, respectivamente, frente aos números registrados no ano anterior.

Na UE, as exportações equivaleram em 2009 a 1,093 trilhão de euros e as importações, a 1,198 trilhão (queda de 16% e 23% frente a 2008).

O comércio exterior dos países de moeda única em dezembro de 2009 teve um superávit de 4,4 bilhões de euros, o que contrasta com o déficit de 1,8 bilhão do mesmo mês do ano anterior.

Em novembro de 2009, a balança comercial tinha sido positiva (4 bilhões de euros), frente aos 6,9 bilhões de déficit registrado no mesmo período de 2008.

Segundo a primeira estimativa de dezembro, as exportações cresceram em relação ao mês anterior 3,1%, enquanto as importações subiram 1,7%.

Para a UE, também segundo os primeiros dados do Eurostat, o comércio exterior teve em dezembro de 2009 um déficit de 2,5 bilhões de euros, menor que o detectado no mesmo mês do ano anterior (11,3 bilhões de euros).

As exportações da UE aumentaram 2% em dezembro de 2009 em relação a novembro e as importações, 0,5%.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host