UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/02/2010 - 01h08

EUA farão investigação sobre possíveis defeitos no Toyota Corolla

Washington, 17 fev (EFE).- As autoridades federais dos Estados Unidos vão iniciar uma investigação oficial sobre possíveis defeitos no Toyota Corolla, informaram hoje veículos de comunicação locais, prevendo mais problemas para o fabricante japonês.

O jornal "The Detroit News" disse hoje em sua edição eletrônica que a Administração Nacional de Segurança na Estrada (NHTSA, na sigla em inglês) decidiu realizar a investigação, que pode afetar cerca de meio milhão de veículos, após receber queixas de proprietários do modelo, um dos mais vendidos da Toyota nos EUA.

Segundo o jornal, a decisão sobre a nova investigação será anunciada na quinta-feira, e acontece poucas horas depois que a Toyota anunciou no Japão que está considerando fazer um recall por possíveis defeitos na coluna de direção.

A NHTSA recebeu cerca de 160 queixas, em muitos casos indicando que o veículo vira de forma brusca quando roda em velocidades superiores a 65 km/h.

Este é apenas mais um problema para a Toyota, que vive uma grande crise nas últimas semanas. Ontem, o secretário de Transporte americano, Ray LaHood, anunciou que as autoridades estão investigando a forma como Toyota realizou os últimos recalls, que afetaram 7,6 milhões de automóveis, e solicitaram documentos internos da companhia.

Os problemas estão afetando as vendas da Companhia nos EUA. Em janeiro, pela primeira vez desde 1999 foram vendidas menos de 100 mil unidades no país.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host