UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/02/2010 - 14h22

Índice de preços de produtor nos EUA aumenta 1,4% em janeiro

Washington, 18 fev (EFE).- O índice de preços ao produtor (IPP) dos Estados Unidos subiu 1,4% em janeiro, empurrado pelo aumento de dois dígitos nos preços de combustíveis, informou hoje o Departamento de Trabalho.

Em janeiro, os preços dos bens acabados - o núcleo da inflação que exclui os preços de alimentos e energia - subiram 0,3%, puxados pelos preços mais altos das caminhonetes e outros bens de capital.

Nesta última apuração, o aumento do IPP superou a expectativa dos analistas, que tinham calculado um reajuste de 0,9%. O aumento no núcleo da inflação do IPP também superou a expectativa de 0,1% entre os analistas.

Segundo o Governo, os incrementos do IPP e de seu núcleo da inflação foram os maiores registrados desde novembro.

Em um ano, o IPP subiu 4,6%, o maior aumento anualizado desde que começou a crise financeira no fim de 2008. O núcleo da inflação do IPP foi de 1% em um ano.

O Federal Reserve (Fed, banco central americano), que despejou mais de US$ 1 trilhão na economia desde o começo da recessão em dezembro de 2007, e que manteve a taxa básica de juros abaixo de 0,25% desde dezembro de 2008, diminuiu importância por enquanto ao IPP.

Os membros do Comitê de Mercado Aberto, que controla a política monetária dos EUA, indicaram em suas reuniões que a inflação para os consumidores seguirá moderada por vários anos.

Conforme as atas da reunião do Comitê no fim de janeiro, os diretores do banco central não estão muito preocupados com a inflação ou a deflação, mas estão atentos à situação do mercado de trabalho, porque o desemprego continua alto.

O relatório de hoje mostra que em janeiro os preços dos bens de energia subiram 5,1%.

Os preços atacadistas de gasolina subiram 11,5% e os do combustível para calefação aumentaram em 16,2%, enquanto o preço da energia residencial teve queda sem precedentes de 1,8%.

Os preços atacadistas dos alimentos subiram 0,4 %, indicou o Governo.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host